Plano de Saúde

Por que a retenção de talentos é tão importante para PMEs?

Escrito por RockContent

Se contratar a pessoa certa para trabalhar na organização já é bem difícil, saiba que reter talentos não é lá uma função muito simples. No entanto, quando incorporadas algumas condições à cultura empresarial, fica bem mais fácil manter as pessoas certas engajadas com o seu negócio.

Quer saber por que a retenção de talentos é tão importante para PMEs? Que tal entender um pouco melhor o que é isso? Confira!

O que é retenção de talentos?

A retenção de talentos são as condições favoráveis criadas em um ambiente de trabalho para que os colaboradores de uma empresa sintam-se motivados e engajados. Isso gera a permanência do empregado na companhia, fazendo com que ele se identifique com os seus princípios e objetivos e busque construir uma carreira estável junto àquela organização.

Por que reter talentos?

É importante entender que reter talentos não deve ser feito com vistas a prender o funcionário na empresa por meio de grandes salários ou recompensas muito boas. Vai além disso: o funcionário precisa se identificar com o contexto no qual está inserido e, a partir disso, ser motivado com ganhos reais para permanecer e se desenvolver ali.

De uma forma bem simples, reter talentos significa que a empresa:

  • Valoriza o seu capital intelectual;
  • Torna sua atuação mais competitiva;
  • Reduz os índices de absenteísmo e turnover;
  • Diminui custos (com rescisões, capacitação, retrabalho, etc.);
  • Aumenta o engajamento dos colaboradores;
  • Mantém a motivação e o bom clima organizacional;
  • Favorece o desenvolvimento conjunto.

Está interessado e quer saber como levar isso para dentro da sua empresa? Descubra!

Quais as melhores práticas para reter talentos?

Existem algumas práticas que auxiliam a retenção de talentos e a melhora do engajamento. Confira:

Oferta de Benefícios

O principal fator a ser observado quando se opta por oferecer benefícios aos colaboradores é se certificar de que eles estejam atendendo a realidade do mercado de trabalho. Além disso, esses benefícios precisam corresponder às reais necessidades dos empregados. De nada adianta oferecer um cartão vale-transporte se os seus funcionários vão ao trabalho de carro, por exemplo.

Cultura Atrativa

Retenção é igual a engajamento e motivação para permanecer na empresa. E, para isso, é indispensável que a cultura da companhia seja atrativa. Nesse aspecto, existe uma série de fatores que pode ser trabalhada, tais como:

  • Melhorias no reconhecimento pelo trabalho desempenhado;
  • Comunicação interna eficaz;
  • Condições de desenvolvimento ou empoderamento (Empowerment);
  • Atividades desafiadoras e instigantes.

Celebração de Conquistas

Conquistas ou datas comemorativas podem (e devem) ser celebradas! Use isso para gerar engajamento por meio da integração de seus colaboradores. Aproveite para desenvolver o espírito coletivo, estimulando as equipes a dividirem suas conquistas e comemorarem juntas.

Clareza na Definição de Objetivos e Metas

Poucas coisas contribuem tanto para a desmotivação quanto a sensação de que as informações vêm sendo ocultadas ou são tão confusas que não há como confiar naquilo que está sendo apresentado. Por isso, preze pela clareza dos dados e não deixe de dividi-los com todos.

Perspectiva de Crescimento

Engajamento e retenção também são facilmente conquistados quando se compreende a possibilidade de crescer dentro de uma empresa. Ofereça meios para que os colaboradores de desenvolvam e alcem voos maiores, incentive sua formação e facilite o seu aprendizado.

Agora que você já sabe por que a retenção de talentos é tão importante para PMEs, quer fortalecer a sua empresa em tempos de crise? Então leia nosso Guia para o Empreendedorismo em Momentos de Crise!

Sobre o autor

RockContent

Deixar comentário.